A caminho, com Maria, pelas fontes da alegria”. Eis o programa que nos propomos viver, das Cinzas ao Pentecostes, ao longo dos próximos três meses e em três tempos.

A caminho, com Maria, pelas fontes da alegria”. Eis o programa que nos propomos viver, das Cinzas ao Pentecostes, ao longo dos próximos três meses e em três tempos.

Continuamos, com Jesus, no alto da montanha, a entrar no coração de Deus, o Pai celeste, que cuida de cada um, com materno desvelo. Deixemos que o nosso coração se fie e confie ao amor de Deus, de modo que Ele nos liberte de toda a ansiedade. Invoquemos a sua misericórdia.

Continuamos, com Jesus, no alto da montanha. Ali, Jesus desafia-nos a escalar, passo a passo, o caminho do amor, o caminho da perfeição, até alcançarmos essa “medida alta da vida cristã comum, que é a santidade” (NMI 31).

Subimos, uma vez mais, à montanha, para escutar Jesus. Saímos de nossas casas e viemos até aqui, até ao altar de Deus, para escutar a Palavra de Seu Filho e acolher a Sua presença no nosso coração. Continuamos a escutar o longo ensinamento de Jesus aos Seus discípulos, no chamado «Sermão da Montanha». Jesus, com a autoridade que Lhe vem de ser o Filho de Deus, interpreta e atualiza todas as palavras, que foram ditas antes d’Ele e leva a Lei às últimas consequências. Vamos preparar o nosso coração, para as escutar e viver.

Pág. 8 de 23
Top
Usamos cookies para garantir uma melhor navegação no site. Ao continuar a utilizar este site, está a dar o seu consentimento. Mais detalhes…