Confiemos a vida da Igreja, a humanidade inteira e o Universo imenso a Cristo Rei, para que derrame sobre todos a Sua misericórdia, como o orvalho da manhã, para podermos construir um mundo mais justo e mais fraterno. 

“Mudam-se os tempos, mudam-se as vontades, / Muda-se o ser, muda-se a confiança: / Todo o mundo é composto de mudança, / Tomando sempre novas qualidades”. 

Também hoje a Igreja é chamada a anunciar a fé na ressurreição: “A ressurreição dos mortos é a fé dos cristãos: acreditando nisso somos o que professamos!” 

 

Vêm no fim da lista, mas não são menos importantes que as outras obras de misericórdia: sepultar os mortos e rezar por vivos e defuntos!

E este é o primeiro dia de novembro e o último mês, para a celebração do Ano Jubilar da Misericórdia! Nesta solenidade, o nosso olhar projeta-se nos santos, que “fizeram da misericórdia sua missão vital” (MV24). Alcançados pela misericórdia divina, tornaram-se, no mundo, os rostos da misericórdia do Pai, junto dos que mais carecem do amor concreto. 

Pág. 47 de 57
Top

A Paróquia Senhora da Hora utiliza cookies para lhe garantir a melhor experiência enquanto utilizador. Ao continuar a navegar no site, concorda com a utilização destes cookies. Para saber mais sobre os cookies que usamos e como apagá-los, veja a nossa Política de Privacidade Política de Cookies.

  Eu aceito o uso de cookies deste website.
EU Cookie Directive plugin by www.channeldigital.co.uk